O 1° casamento homoafetivo no copacabana palace foi entre duas mulheres e muito clássico, sim!

Casamento super luxuoso entra para a história do hotel em 95 anos de existência.

Desde o sábado (10/03), que estamos em polvorosa com esse casamento lésbico maravilhoso que aconteceu no Copacabana Palace, Rio de Janeiro. A internet inteira postando e repostando detalhes dessa cerimônia que celebrou o amor entre duas mulheres <3

A economista Priscila Raab e a farmacêutica Roberta Gradel casaram em meio às tradições judaicas, uma vez que Roberta é judia e ambas decidiram seguir tal fé religiosa. E o resultado foram fotos de um evento lindíssimo, muito luxuoso e emocionante.

A cereja do bolo desse casamento para a nossa sociedade, e em especial para o mercado de assessoria para casamentos é o fato de quebrarmos alguns preconceitos e estereótipos LGBTs, inclusive entre nós próprios LGBTs.

É sabido que a cultura de cerimonializar casamentos homoafetivos é recente e damos a isso diversas justificativas como o fato de estarmos agora caminhando para direitos igualitários. Além disso, estamos galgando cada vez mais visibilidade para nosso amor e estilo de vida, e com isso alcançando mais respeito.

Mas ainda nos deparamos, principalmente no mercado de casamentos, com estereótipos que reforçam ideias distorcidas sobre tipos de casamentos entre gays e lésbicas. Estereótipo que mais uma vez coloca as lésbicas em lugar de inferioridade, quando é perpetuada a ideia de que apenas gays se preocupam com estética e investem em casamentos clássicos e luxuosos, quando na verdade, temos noivas e noivos em busca de todo tipo de cerimônia.

Vejam os detalhes desse casamento que pode ser inspirador para quem deseja casar em um evento como esse. O tema da decoração foi jardim secreto, e todos se sentiram entrando no secreto jardim de amor das noivas <3 O tapete vermelho foi substituído por espelhos fazendo referência a um lago em pleno jardim e as noivas jogaram o buquê do alto de balanços. Todo o salão estava decorado com flores e uma grande árvore foi colocada no meio dele <3

O casamento homoafetivo vai além de convenções sociais, é uma escolha que também revela uma luta social, e como nossa diversidade pede, há uma infinidade de maneiras de celebrar um casamento. E somos livres para usarmos todas. Sem regras, apenas seguindo o amor.

Deixe uma resposta